1ª Caminhada Crespa de Belo Horizonte!

by 08:02 0 comentários
Bom dia!

Finalmente vim aqui para contar (e mostrar) como foi a 1ª Caminhada Crespa em Belo Horizonte. 
Com a hashtag #EuEncrespoBH, o evento que aconteceu no dia 29/11, reuniu no quarteirão fechado da Praça 7, bem no centro da capital, pessoas de todos os estilos lutando por única causa : a valorização da estética negra, depois de muita música, depoimentos e bate papo, saímos da Praça 7 em direção à Praça da Estação, para participarmos do último dia do FAN (Festival de Arte Negra).

Mas porque caminhar?
"Contra o racismo e pela valorização da estética negra”, crespas e crespos sairão às ruas do centro de Belo Horizonte no próximo domingo, 29 de novembro, para a 1ª Caminhada Crespa de BH. A manifestação, política e independente, pretende despertar o olhar da sociedade para questões como a falta de oportunidades, a violência e o genocídio em que sofre a população negra no país, em consequência da desigualdade racial.

Historicamente, o racismo leva à interiorização e à invisibilidade da estética negra. E, por decorrência, a comunidade afro-brasileira tem sido subjugada, menosprezada, vítima de violência, extermínio e exclusão. A 1ª Caminhada Crespa de BH e a campanha #EuEncrespoBH vem contribuir para o esforço de reverter este quadro, somando forças a outras iniciativas existentes na cidade.

O cabelo crespo, traço predominante da estética negra e constante alvo de repressão, é símbolo de identidade, força e resistência do povo afrodescendente. O manifesto será realizado no mês da Consciência Negra, em reverência à luta de Zumbi dos Palmares e a resistência de nossos ancestrais."

Durante a concentração contamos com as apresentações de: Brother Soul; Cristal Lopez; Hannelore, Danilo Brumana e D'aiolla; Odum Orixás; DJ Rafael Roots; Sarah Guedes; Zaika Santos.

Realização coletiva: Anamab Mutuê; Borboleta no Cabelo; Brígida Alvim; Cacheadas e Crespas; Encrespa Geral BH; Instituto Todo Black é Power; Jornal Afronta; Kftá; Levante Popular da Juventude; Magia Negra Bloco Afro; Negras do Brasil; Niari.

Apoiadores: Agência i7 de Fotografia; Comunidade Soul – Brother Soul; Fetaemg - Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Minas Gerais; Sindibel – Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Belo Horizonte; Rádio Autêntica / Favela FM.

Quer ver como foi essa tarde de movimento e luta?
Dá uma olhada no vídeo:



O evento também contou com a participação do Clube das Blogueiras Negras de BH que marcou presença e deu todo apoio!

Vejam algumas fotos:

















Para mim essa caminhada é um marco e um divisor de águas! BH nos viu, ouviu a nossa voz que não se calará, continuaremos lutando contra a discriminação racial em todas as formas. Esse Novembro Negro foi histórico!

É isso, espero que tenham gostado!
Super beijo e até a próxima!!

Thaís Angel

Autora

Molas ao Vento.